Quinta-feira, 19 de Abril de 2007

Expectativas

“Talvez estejam a pensar: qual é a diferença entre o sofrimento num Spa e o sofrimento no Árctico? Tem tudo a ver com expectativas. Quando uma pessoa se inscreve em algo que parece fantástico mas acaba por se revelar horrível, sente-se enganada e chateada. Mas, quando vamos à espera de miséria, só podemos ficar agradavelmente surpreendidos.”
À procura do Homem ideal – Suzanne Schlosberg
 

  

 
Clauclau às 23:13

| Comentar | Adicionar aos favoritos
3 comentários:
De menphis_child a 20 de Abril de 2007 às 10:56
Linda citação, parabéns
De noche a 20 de Abril de 2007 às 20:13
olá...

pois... gestão de expectativas...devemos nós criar esperanças onde não existem... e quanto maior o empenho pior será depois quando se bate com o nariz na porta...

ontem fingi-me de forte... disse umas "mentirinhas" "piedosas" à minha ex namorada...

ela ligou-me por uns assuntos pendentes...e percebi que ela não estava muito bem... eu disse-lhe que estava tudo bem comigo etc... que me ando a divertir... na esperança que ela não fique com peso na consciência em relação a mim...

hoje mandou-me um mail a dizer que a conversa lhe tinha feito bem.

mais uma vez fiquei eu um bocado na merda...porque o que apetece dizer é VOLTA tas perdoada...e irrealisticamente ainda tenho esperança.... mas acho que fiz bem apesar de tudo...

desculpa estar a desabafar isto ... eu sei que não és propriamente psicóloga... mas enfim podes sempre mandar a conta :)
De Clauclau a 20 de Abril de 2007 às 23:07
Não... não sou psicóloga, estou mais virada para a Literatura... e não posso enviar a conta... deve haver muito João? Miguel? na Graça?... A conta nunca chegaria ao destinatário. Lol.

Também gosto que o AFL saiba que estou bem. Não para que não se preocupe com o meu estado psicológico, mas mais no sentido de uma pequena vingança. Eu sei que mexe comigo, pela negativa, saber que ele está bem e feliz; o que pretendo é exactamente o mesmo: que a minha felicidade o magoe... e por isso é que de alguns meses para cá tenho tentado sair, divertir-me e rir... rir muito... para que ele saiba que estou feliz... sozinha, desempregada... mas que estou feliz, porque a minha vida até não está assim tão mal quando comparada com a de certas amigas minhas... por isso, queixar-me para quê... ninguém é feliz 24 horas por dia, nem 168 horas por semana, nem 365 dias no ano, mas todos temos pequenos momentos que nos fazem felizes.
Sempre gostei dele de uma maneira especial. Já tinhamos namorado há uns anos. Depois de acabarmos, tive alguns namorados, mas sempre tive a sensação que me faltava qualquer coisa, porque estava presa a sentimentos do passado. Há dois anos decidi voltar a lutar para conseguir ter o amor dele de volta... pensei que tinha conseguido... mas não consegui... Foi apenas uma ilusão e com isso apenas perdi mais dois anos da minha vida.
E como ele mesmo me disse ao fim desses dois anos, se fosse para ficarmos juntos isso já tinha acontecido há anos atrás. Odiei esta frase... mas hoje faz sentido. Fui mesmo palerma em ter voltado a lutar por uma guerra perdida.
Lutei... sim... não atirei a toalha ao chão e fui à luta... Mas para quê? Perdi mais dois anos da minha vida e tudo o que poderia ter acontecido se não estivesse amarrada nessa relação... quem sabe... até já teria encontrado o homem da minha vida...

Já agora, umas boas férias?
ou será só bom fim-de-semana?

Comentar post

Pesquisar

 

Posts recentes

Escolhas

Investir

Sonhar com o impossível

Amores

Amor

Felicidade

O que construimos

...

Algo melhor

Explosão de hormonas

Aventuras rápidas

Quero-te comigo

Arquivo

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

tags

afl(30)

amor(260)

ana santa clara(9)

casamento(10)

catherine dunne(11)

citações(324)

dr.ª robin l. smith(8)

ildikó von kürthy(13)

joana miranda(60)

jorge bucay e silvia salinas(11)

livros(308)

margarida rebelo pinto(32)

maria joão lopo de carvalho(10)

miguel sousa tavares(24)

paulo coelho(28)

robin sisman(9)

sofrimento(21)

stefania bertola(12)

suzanne schlosberg(10)

vida(183)

todas as tags

Readspeaker

Imagens

Retiradas da net